Procon Municipal encontra variação de até 109% no preço da carne

Campo Grande, 20/12/2019 às 07:48

Com a chegada das festas de fim de ano, os preços dos produtos sobem em função da alta demanda. Nesta lista estão os cortes de carne bovina, suína e ave, protagonistas das festas natalinas e a esperada virada de ano.

O Procon Campo Grande, sempre conectado com as demandas dos consumidores, realizou a pesquisa nos dias 17 e 18/12, em dezesseis estabelecimentos comerciais, sendo oito casas de carnes e oito supermercados, nesta Capital. Os produtos foram cortes de carnes bovinas de 1ª (primeira) e 2ª (segunda), suína e de ave.

Obteve-se uma grande variação de 109% no corte da carne bovina de 2ª (segunda) – músculo, com o menor preço de R$ 16,95 no Supermercado Mister Júnior e o maior preço de R$ 35,49 no Extra Hipermercado. Outro corte de carne com variação acima de cem por cento foi a maminha – carne bovina de 1ª (primeira), sendo o menor preço encontrado de R$ 25,99 no Supermercado São João e o maior preço de R$ 52,99 no Extra Hipermercado, chegando a variação de 104%.

Em sequência foram listadas outras variações altas encontradas entre o menor e o maior preços pesquisados nas casas de carnes e supermercados:

– Corte de carne de ave – “peito”: 104%;

– Corte de carne suína – “costela”: 101%;

– Corte de carne de frango – “frango inteiro”: 99%;

– Corte de carne suína – “lombo”: 92%;

Corte de carne bovina, carne de 1ª (primeira) – picanha: 91%;

Corte de carne de ave – coxa e sobrecoxa: 79%;

– Corte de carne suína – paleta e pernil: 73%.

Levando em conta, a grande mídia em cima do aumento dos cortes das carnes, principalmente a carne bovina, comparamos esta pesquisa com a realizada em agosto de 2019, com o intuito de mensurar a alta de preços.

Observa-se que, também, ocorreu aumento elevado no preço da carne suína e de aves, conforme tabela abaixo:

Produto/KgPreço médio entre supermercados e casas de carnesVariação de preço entre agosto a dezembro/19
agosto/19dezembro/19
Carne bovina 1ª
Ponta de costelaR$ 21,44R$ 31,8449%
MaminhaR$ 24,12R$ 34,2842%
ContrafiléR$ 23,86R$ 32,8338%
LagartoR$ 20,65R$ 28,1837%
PatinhoR$ 21,22R$ 28,8736%
AlcatraR$ 24,30R$ 32,8135%
Coxão moleR$ 22,70R$ 30,7235%
Coxão duroR$ 20,72R$ 27,8234%
PicanhaR$ 36,91R$ 45,7724%
Carne bovina 2ª
CupimR$ 19,33R$ 28,0445%
Costela minguaR$ 10,72R$ 15,1341%
Costela RipaR$ 10,68R$ 15,0241%
MusculoR$ 15,05R$ 20,8639%
PaletaR$ 15,51R$ 20,9335%
AgulhaR$ 14,71R$ 19,1030%
Carne suína
PernilR$ 11,21R$ 14,3628%
PaletaR$ 10,89R$ 13,7827%
LomboR$ 13,73R$ 17,0524%
BistecaR$ 12,52R$ 14,8318%
CostelaR$ 16,75R$ 19,2815%
Carne de ave
Coxinha da asaR$ 11,60R$ 14,5225%
Coxinha da asaR$ 11,60R$ 14,5225%
Frango inteiroR$ 8,06R$ 9,4217%
PeitoR$ 10,86R$ 11,9010%
Coxa/sobrecoxaR$ 9,23R$ 9,847%

Fonte: Procon Campo Grande

 

Nesse período as cinco maiores altas, foram as seguintes:

– Corte de carne bovina de 1ª (primeira) – ponta de costela: 49%;

Corte de carne bovina de 2ª (segunda) – cupim: 45%;

– Corte de carne bovina de 1ª (primeira) – maminha: 42%;

– Corte de carne bovina de 2ª (segunda) – costelas ripa e minga: 41%;

– Corte de carne bovina de 2ª (segunda) – músculo: 39%.

Disponibilizaremos planilhas com as comparações dos preços das casas de carnes e supermercados por região.

Por fim, orientamos que os consumidores façam pesquisas antes da compra. Pois, poderão encontrar promoções pontuais nos estabelecimentos comerciais.

Setor: Assessoria Educacional de Projetos e Pesquisa, profissionais responsáveis: Carlos Alberto Rena Júnior, Welington Batista Bandeira dos Santos e Sabah Mounierg

Procon Campo Grande, o seu Procon, trabalhando por todos!!

#Consumidor #Pesquisa #Natal #AnoNovo #Datasfestivas #Carne #Bovina #Suína #Ave  #Economia #EducaçãoFinanceira #Procon #CampoGrande

Confira AQUI, o preço de carnes nos Supermercados.