Recursos dos Fundos Municipais garantem assistência a mais jovens e id­osos em projetos sociais da capital

Foto: Diogo Gonçalves

Campo Grande, 29/09/2022 às 14:34

Somente em 2022, mais de 1 mil doadores, constituídas de empresas e pessoas físicas, destinaram parte do imposto de renda devido para financiamento de projetos sociais na área da criança e do adolescente e pessoa idosa em Campo Grande. Foram R$ 1,78 milhão aportados no Fundo Municipal da Criança e do Adolescente e no Fundo Municipal do Idoso. Aos interessados em doar acesse o Clique Esperança ou o site https://www.campogrande.ms.gov.br/cmi/.

Os recursos fazem muita diferença na vida de milhares de jovens e idosos. É o caso de João Victor, de 18 anos. Admirador da tecnologia ele entrou no projeto “Casa dos Meninos” há dois anos e hoje integra a equipe do Colégio Dom Bosco no setor de manutenção e recuperação de computadores. “Eu vim em busca de conhecimentos, e aqui temos a capacitação e também o encaminhamento para o mercado de trabalho. Agora quero me especializar em TI”, comenta ele que iniciou a faculdade de Ciência da Computação.

Dos 350 jovens participantes da associação, 160 já trabalham na área que receberam treinamento. Na Cidade dos Meninos cursos profissionalizantes de Técnico de Informática, Logística Comercial e Departamento de Pessoas capacitam jovens entre 14 a 18 anos para o mercado de trabalho.

Diretor da entidade há 9 anos, Ramão Marcondes explicou onde os recursos são utilizados.“Estamos sempre em busca de mais cursos e esses recursos vindos do Fundo e da Prefeitura auxiliam na contratação de professores, compra de computadores, máquinas, materiais de escritórios, e todos os itens necessários para as formações. E com mais esse valor poderemos implantar uma central de energia solar que reduzirá o custo fixo em cerca de R$ 5 mil ao mês”, comenta ele.

E nesta manhã (29), a prefeita Adriane Lopes e o diretor-presidente da Águas Guariroba Themis de Oliveira visitaram este projeto e o da Fundação Manuel de Barros e conheceram mais sobre as atividades realizadas em cada entidade. “Esse recurso vai fortalecer o trabalho que as instituições fazem na cidade. E esse é um momento de parcerias onde podemos avançar e fazer entregas para a comunidade. O terceiro setor é fundamental neste processo, onde construímos novas possibilidades para os jovens e garantimos qualidade de vida à pessoa idosa”, disse a prefeita.

É que a Concessionária Águas Guariroba doou ao Fundo Municipal da Infância e da Adolescência e Fundo Municipal do Idoso parte do seu imposto de renda devido. Na Associação Cidade dos Meninos, que atende 350 jovens, os recursos vão para adquirir placas de energia solar que reduzirão os custos em cerca de R$ 60 mil ao ano e na Fundação Manoel de Barros vai garantir a realização de atividades esportivas e culturais no Projeto Ativa Idade, que hoje tem 92 inscritos.

“Esta é mais uma entrega que a Águas Guariroba está fazendo para Campo Grande, fortalecendo ainda mais esta parceria com a cidade. É mais uma maneira que a concessionária amplia a sua ligação com a política social, apoiando o desenvolvimento de Campo Grande”, explicou Themis de Oliveira, diretor-presidente da Águas Guariroba.

Já a Fundação Manoel de Barros, que atende desde 2002 pessoas idosas no Projeto Ativa Idade, foi implantada em 1999. Administrado por Marcos Henrique Marques, a Fundação oferece atividades de natação, pilates, dança, tai chi chuan, literatura, computação, coral e assistência psicológica.

“Essa visita foi muito especial. Estou muito feliz porque este é um momento de reconhecimento do trabalho desenvolvido para vocês, para a pessoa idosa que a Fundação Manoel de Barros atende. Esse grande apoio vai garantir as atividades do serviço de convivência e fortalecimento de vínculos para o próximo ano”, comemorou Marcos Henrique.

Cheia de energia, Inocência Robaldo, 79 anos, contou que as atividades da Fundação são o segredo da longevidade. “Eu faço todas as atividades aqui, venho de segunda quinta e amo este lugar. É a minha cura, o meu remédio, e todos aqui formam minha segunda família”, disse ela que está há 7 anos no projeto

Como doar

Uma das formas de doação é pelo site Clique Esperança que incentiva a população a fazer doações para projetos assistenciais que atuam com crianças e adolescentes em Campo Grande. E no site https://www.campogrande.ms.gov.br/cmi/ há a possibilidade de doação para o Fundo Municipal do Idoso. Os cidadãos que efetuarem o gesto de caridade podem solicitar a restituição no IR (Imposto de Renda) praticado por pessoas físicas ou jurídicas.

Prefeitura Municipal de Campo Grande

Avenida Afonso Pena, 3297 - Centro, Campo Grande
Mato Grosso do Sul, Brasil
CEP 79002-949 - CNPJ 03501509/0001-06