Otimismo dos comerciantes de Campo Grande aumenta e é o maior da série histórica

Campo Grande, 30/11/2022 às 10:41

Cada dia mais Campo Grande vem se fortalecendo e provando que é a Capital das Oportunidades. Pesquisa publicada nesta semana pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) demonstra que o Índice de Confiança dos Empresários do Comércio (ICEC) de Campo Grande atingiu em novembro inéditos 143,4 pontos, o maior dos últimos 13 meses.

De acordo com o estudo, o principal propulsor do índice, que avançou 0,6% em relação a outubro, marcando o terceiro mês consecutivo de aumento, foi a avaliação das condições atuais da economia do País. O indicador de contratação de funcionários também está maior. Entre os 93,7% que indicam que pretendem aumentar o número de funcionários, 71,3% informaram que vão elevar um pouco o quadro e 22,4% disseram que devem aumentar consideravelmente.

O secretário municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio, Adelaido Vila, avalia que a pesquisa demonstra que as ações tomadas pela Prefeitura de Campo Grande e pelo Governo do Estado, vem ao encontro desse entusiasmo.

“Isso é fruto de políticas desenvolvidas pela prefeitura e pelo governo do estado no sentido de dar segurança jurídica e financeira para a nossa cidade. Desde 2017 temos pago a folha em dia e isso gera tranquilidade para os empresários fazerem investimentos, pois existe uma certeza que os servidores irão receber seus salários, seus décimos terceiro”, aponta, frisando que o diálogo alinhado entre o Município e o Governo do Estado também viabiliza a economia.

Em Campo Grande são 27 mil servidores municipais, cerca de 50 mil estaduais e 40 mil federais. Um contingente que representa quase 20% da população economicamente ativa, que é de cerca de 600 mil pessoas.

A economista do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Fecomércio MS (IPF/MS), Regiane Dedé de Oliveira acrescenta que os fins de ano, geralmente, turbinam a confiança dos empresários do comércio, porque é quando as vendas apresentam os melhores resultados e isso se soma à Black Friday e movimentação da Copa Mundial de Futebol.

PIB

Outra prova disso, aponta o secretário, é a perspectiva de aumento do PIB do Município de Campo Grande que deve chegar a 5,0% em termos reais em 2022. O número estimado pela Secretaria Municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócios (Sidagro) é baseado no forte crescimento das atividades comerciais e de serviços em todo o Mato Grosso do Sul e na Capital.

Para se ter uma ideia, Campo Grande foi destaque como uma das capitais do país com as menores taxas de desocupação na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – PNAD divulgada na segunda quinzena deste mês.  A capital do Mato Grosso do Sul baixou de 6,1% para 5,1% sua taxa de desocupação, a 3ª taxa mais baixa entre as 27 capitais, o que representa 6 mil pessoas a menos desocupadas nos últimos três meses analisados.

Prefeitura Municipal de Campo Grande

Avenida Afonso Pena, 3297 - Centro, Campo Grande
Mato Grosso do Sul, Brasil
CEP 79002-949 - CNPJ 03501509/0001-06