Com selo do SIM varejistas ganham confiabilidade junto à população

Campo Grande, 04/05/2021 às 12:10

Na manhã desta segunda-feira (3), o SIM – Serviço de Inspeção Municipal de Campo Grande (SIM/CG), entregou mais um certificado, o selo que garante a qualidade do que é produzido pelas empresas que trabalham com produtos de origem animal. A médica veterinária Paula Ibrahim, responsável técnica da Associação dos Vendedores e Produtores de Leite Caipira – ACPLC, recebeu o Selo de Registro no SIM e agora pode vender seus produtos.

“Receber esse certificado hoje é uma vitória nessa batalha que estamos vivendo desde 2002 quando a indústria foi criada. Entendemos que daqui pra frente poderemos avançar com a qualidade dos nossos produtos”, afirmou Paula Ibrahim, destacando a parceria e apoio da  Sedesc (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia).

As empresas que já receberam o selo do SIM podem vender seus produtos no âmbito do município, e a Sedesc trabalha para aderir ao SISBI (Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal), buscando uma equivalência junto ao Ministério da Agricultura, para que os estabelecimentos registrados no SIM/CG possam comercializar seus produtos em todo território nacional.

Valdemir Guarinão, proprietário da Du Porco Indústria e Comércio de Carnes, atesta a competência e confiabilidade para quem compra os produtos que têm esse selo. “A adesão ao SIM é uma porta que se abre ao setor produtivo, para que os varejistas e a população encontrem produtos certificados e inspecionados, com a qualidade que a comunidade precisa. É muito bom que as empresas façam adesão ao selo do SIM”, destaca. A Du Porco é uma casa de carnes suína onde são produzidos e industrializados embutidos e defumados, além de cortes especiais de suíno.

Claudionor Pedro, proprietário do Comércio São Pedro, empresa que produz 5 tipos de linguiças, charque e carcaça suína, destaca que conseguir a certificação do SIM “foi uma grande benção na vida da empresa, que hoje tem uma clientela muito maior, graças à confiabilidade que o selo transmite aos seus clientes”.

Dados do SIM

O SIM/CG já concedeu ou renovou o selo de inspeção a 26 empresas que trabalham nessa área. Essas empresas foram inspecionadas e receberam o selo após a sanção da atualização da Lei do SIM. Atualmente existem 20 processos em andamento de regularização para concessão do Certificado de Registro.

“O certificado concedido pelo SIM garante a inocuidade dos alimentos, principalmente os produzidos pelos pequenos estabelecimentos”, afirma Melquiades Silva, chefe do SIM na Prefeitura da Capital. Automaticamente ocorre a melhoria da qualidade sanitária dos alimentos consumidos pela população e o fomento dos pequenos empreendimentos rurais que beneficiam produtos de origem animal. A equipe técnica da Sedesc realiza permanentemente um trabalho didático de orientação aos pequenos produtores que dependem do selo do SIM para comercializar seus produtos com garantia de qualidade.