Prefeitura se reinventa na pandemia e cria canais diretos de informação sobre a Covid

Campo Grande, 30/09/2021 às 08:14

Tempos de crise são tempos de se reinventar e criar novas soluções. E em uma das maiores crises que o mundo vem enfrentando – a pandemia do coronavírus – não poderia ser diferente. Para vencer os obstáculos, a Prefeitura de Campo Grande desenvolveu por meio da Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação (Agetec), em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), o Sistema Monitora Saúde.

O programa oferece aos gestores um completo controle de todos os processos da vacinação contra a Covid-19, que vai do controle de estoque de vacinas, passa pelo monitoramento das gestantes imunizadas e entrega ao vacinado quase em tempo real a carteira digital de vacinação.

Desenvolvido para apoiar as equipes de saúde, o sistema teve papel essencial no apoio das muitas frentes de ações durante a pandemia e se tornou referência estadual, sendo utilizada em outros municípios, como Sidrolândia e Camapuã, que relataram experiências muito positivas como o fim da fila, celeridade no processo e transparência das informações.

Através do módulo de monitoramento, foram contatadas e monitoradas mais de 294 mil pessoas em Campo Grande, que teve a primeira Carteirinha de Vacinação Digital do país. Já o módulo de vacinação foi disponibilizado em janeiro deste ano.

Outro fator que ajudou na celeridade do processo de vacinação foi o uso dos Drives-Thru, responsáveis por 35% das doses aplicadas. Campo Grande chegou a vacinar 3% da população vacinável em um único dia e 97% das doses recebidas foram aplicadas na população. A Capital de Mato Grosso do Sul já alcançou 56% da população da cidade 100% imunizadas (com 1ª e 2ª doses ou dose única).

Para o prefeito Marquinhos Trad esse planejamento é primordial para a administração de uma cidade. “Graças a todo um planejamento e ao empenho das equipes de diversas áreas da Prefeitura, conseguimos manter o equilíbrio durante a pandemia e, hoje, nos tornamos referência no País. Tudo isso é fruto de um trabalho feito em conjunto, com muita dedicação. Neste caso, do Monitora Saúde, a tecnologia permitiu aos gestores o controle de todos os processos envolvendo a vacinação contra a covid-19. O resultado está sendo colhido com a retomada das atividades econômicas e sociais em nossa cidade”, afirma.

O programa é um dos seis finalistas do 25° Concurso de Inovação no Setor Público realizado pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap), entre os mais de 250 projetos inscritos somente na categoria 3 da 25° edição do concurso. A conquista se deve a inovação em serviços ou políticas públicas através no Poder Executivo Estadual, Distrito Federal e Municipal com o Sistema Monitora Saúde.

Imprima aqui sua carteira de vacinação aqui e acompanhe a vacinação em tempo real aqui.