Prefeitura promove ‘Semana do Bebê’ para informar sobre a importância da primeira infância

IMG-20180820-WA0082

Campo Grande, 21/08/2018 às 09:07

A Prefeitura de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, está realizando a “Semana do Bebê” nos Centros de Referência da Assistência Social – CRAS.  Para isso, estão sendo realizadas ações voltadas às gestantes, às famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família e beneficiários do Benefício de Prestação Continuada – BPC/PCD.

No CRAS Vida Nova aconteceu nesta terça-feira (21) a palestra “Gestação e Planejamento Familiar”. No CRAS Zé Pereira, também nesta terça-feira (21) foi dada a palestra sobre “Alimentação e Nutrição do Bebê, Higiene Bucal” adequados na primeira infância.

IMG-20180820-WA0083Ainda nesta semana haverá ações nos CRAS Canguru, com a palestra “Desenvolvimento Infantil e a Estimulação Precoce”, no dia 22 de agosto (quarta-feira), às 8 horas. O CRAS Jardim Moema, recebe a palestra “Cuidados Fundamentais para uma Primeira Infância Segura”, no dia 23 de agosto (quinta-feira), às 13h30m.

Já o CRAS Nossa Senhora Aparecida recebe a palestra “Os benefícios do brincar na primeira infância e a importância do vínculo mãe-bebê e seu processo de desenvolvimento”, no dia 23 de agosto (quinta-feira) às 14 horas.

A última palestra será no CRAS Guanandi, com o tema “Prevenção de Acidentes e Primeiros Socorros a crianças” no dia 24 de agosto (sexta-feira) às 14 horas.

A ação ocorre devido à importância da primeira infância no desenvolvimento da criança. A primeira infância vai do nascimento até os 6 anos de idade. É nessa fase da vida que a criança desenvolve grande parte do potencial cognitivo que terá quando adulto. Por isso, representa uma janela de oportunidades. A atenção integral nessa faixa etária tem impacto decisivo no sucesso escolar, no desenvolvimento de fatores de resiliência e autoestima necessários para independência econômica e no preparo para a vida familiar.

Até o sexto ano de vida, o desenvolvimento do cérebro é muito rápido e pode ser afetado por fatores biológicos, psicossociais, herança genética e pela qualidade do ambiente em que se vive e se convive. Esse processo pode, a longo prazo, afetar a capacidade estrutural e funcional, influenciando negativamente o desenvolvimento cognitivo e socioemocional do ser humano.

Para o secretário municipal de assistência social, José Mário Antunes, a ação é possível graças ao empenho de todos no processo.

IMG-20180820-WA0080“Através do Programa Primeira Infância no SUAS e as parcerias com a rede socioassistencial, que essa família participa, vamos enfatizar que nessa fase o brincar é fundamental para que a criança seja criativa, inteligente e feliz. No Município de Campo Grande MS estamos realizando ações em seis Cras, com pai e filho, programa primeira infância no SUAS, orientando as famílias de forma lúdica e levando os serviços da SAS para colaborar com vínculo familiar”, declarou o secretário.

Pensando sobre a importância dessa etapa da vida, é que instituiu-se a “Semana do Bebê”, como uma estratégia de mobilização social apoiada pela UNICEF e Municípios e têm como objetivo tornar o direito a sobrevivência e ao desenvolvimento integral da criança, prioridade na agenda dos municípios brasileiros, proporcionando as gestantes e crianças, juntamente com suas famílias, atividades lúdicas, artísticas e culturais, bem como informações e serviços na área do desenvolvimento infantil e da saúde.

A coordenadora do Programa Criança Feliz, Evelyn Sadoyama, explica que o Governo do Estado instituiu a semana do bebê para que se desenvolva ações mostrando a importância desse período de 0 a 6 anos, impactado no sucesso escolar, no desenvolvimento de fatores de resiliência e autoestima necessários para a independência econômica no preparo para a vida familiar.

Conforme a Lei 5.116, de 26 de dezembro de 2017 do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, instituindo a Semana Estadual do Bebê, tem por finalidade “fomentar ações, planos, programas e debates sobre os cuidados fundamentais para a garantia de uma primeira infância segura”. Dentre seus objetivos, destacamos para este projeto o inciso I do Art. 2º: “informar, sensibilizar e envolver a sociedade em torno da situação da primeira infância”.

Rede Municipal de Sites e Serviços On-line de Campo Grande MS

http://www.campogrande.ms.gov.br/