Prefeitura amplia atendimentos à população em unidades com funcionamento em horário estendido

Campo Grande, 02/12/2021 às 17:07

Em Campo Grande, 46 unidades de saúde da família, das 72 que o município tem atualmente, trabalham com atendimento em horário estendido. Em algumas delas é possível marcar consulta com médico até às 22h. 

Esta modalidade amplia a oferta à população, principalmente a quem não consegue buscar por assistência durante o horário comercial. 

“Mais de 63% das unidades de saúde da Capital trabalham com o atendimento em horário estendido. É facilidade para quem está com dor de dente, por exemplo, e precisa ir no dentista no horário do almoço, ou só consegue ir depois do serviço”, comenta o prefeito Marquinhos Trad. 

A USF Tiradentes, por exemplo, passou por dois processos de ampliação do horário de atendimento: o primeiro no ano passado, quando começou a atender até 19h, e o segundo em abril de 2021, funcionando até 22h. 

Neste ano houve uma média de 418 atendimentos por mês a mais que no ano anterior, equivalente a mais de 26% dos atendimentos realizados mensalmente durante o ano de 2020. Para o prefeito, estes resultados garantem a qualidade na prestação do serviço para a população. 

“São quase vinte mil atendimentos realizados, dentre consultas com médicos, enfermeiros, assistentes sociais e odontólogos realizados nesta unidade somente até o mês de outubro”, ressalta. 

Ampliação da cobertura da APS 

O horário estendido de atendimento nas unidades de saúde de Campo Grande também garantiu é destaque nacional na ampliação de estratégias de fortalecimento da atenção primária em saúde. Entre 2017 e 2021, o Município saltou da última colocação entre as capitais para a oitava na cobertura da área da saúde, que visa a prevenção a doenças e acompanhamento da população. 

“Este é o maior salto dentre todas as capitais do país. Éramos a que tinha a pior cobertura, e pelo menos um terço das equipes de saúde da família do município estavam com defasagem médica. Hoje nós ampliamos o número de equipes, garantimos que todas elas estão completas e mantemos o atendimento na atenção primária no horário que a população necessita”, comemora o secretário municipal de saúde, José Mauro Filho.