Prefeitura altera calendário e amplia faixa etária para vacinação de públicos específicos neste domingo

Campo Grande, 02/05/2021 às 08:49

A Prefeitura de Campo Grande alterou o calendário de vacinação contra a Covid-19 deste domingo (02), ampliando a faixa etária dos públicos já contemplados para imunização neste fim de semana, conforme previamente anunciado pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau).

A vacinação está aberta para pessoas com comorbidades específicas com 50 anos ou mais; Trabalhadores da educação do Ensino Básico e profissionais de Assistência Social com 45 anos ou mais; Trabalhadores da saúde com 25 anos ou mais; Trabalhadores do transporte coletivo urbano e rodoviário e trabalhadores da limpeza urbana e resíduos sólidos com 18 anos ou mais.

A Sesau decidiu ampliar a faixa etária destes públicos, diante da expectativa de recebimento de uma nova remessa de vacinas.

Para evitar filas e aglomeração, é necessário realizar o cadastro no sistema de identificação prévia. O acesso é feito pelo site: http://vacina.campogrande.ms.gov.br.

Desde o início da campanha de vacinação, mais de 260 mil doses foram aplicadas, fazendo com que o município já tenha ultrapassado a marca dos 20% da população imunizada com pelo menos a primeira dose das vacinas contra Covid-19.

Locais de vacinação:

  • Drive-Thru Ayrton Senna
  • Drive-Thru Albano Franco
  • Drive-Thru Cassems
  • Guanandizão

7h30 às 17h

  • IMPCG

7h30 às 16h30 

 

Comorbidades

Dentre as pessoas com comorbidades, apenas aquelas que se enquadram a lista elencada pelo PNI poderão se vacinar neste sábado, são elas:

  • Diabetes mellitus;
  • Pneumopatias crônicas graves;
  • Hipertensão Arterial Resistente (HAR);
  • Hipertensão arterial estágio 3;
  • Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade;
  • Insuficiência cardíaca (IC);
  • Cor-pulmonares e Hipertensão pulmonar;
  • Cardiopatia hipertensiva;
  • Síndromes coronarianas;
  • Valvopatias; Miocardiopatias e Pericardiopatias;
  • Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas;
  • Arritmias cardíacas;
  • Cardiopatias congênita no adulto;
  • Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados;
  • Doença cerebrovascular;
  • Doença renal crônica;
  • Imunossuprimidos;
  • Hemoglobinopatias graves;
  • Obesidade mórbida Índice de massa corpórea (IMC) ≥ 40;
  • Cirrose hepática.