Evento orienta profissionais da Reme sobre uso de tecnologias em sala de aula

Campo Grande, 10/08/2018 às 15:38

Informar sobre as novidades no universo das tecnologias e suas aplicações no contexto pedagógico. Essa é a proposta da palestra que acontece nesta sexta-feira (10), no Centro de Formação da Secretaria Municipal de Educação (Semed), voltada aos coordenadores e apoios pedagógicos, professores e orientadores das escolas da Rede Municipal de Ensino (Reme).

Ministrada pelo chefe da Divisão de Tecnologia da Reme, Guilherme Mathias Ferrari, a palestra, que acontece até o final da tarde, busca fortalecer a prática da equipe técnica e pedagógica quanto ao uso das ferramentas tecnológicas como forma de operacionalizar e dinamizar a organização do trabalho pedagógico, além de apresentar boas práticas sobre o uso das novas tecnologias como ferramenta didática no processo de ensino aprendizagem.

De acordo com Guilherme, é preciso que os profissionais compreendam as implicações do uso dessas tecnologias. “Eles devem provocar a busca e articular essa mudança nas formas de adquirir conhecimentos e diversificar os procedimentos metodológicos, por isso, antes de incentivar o trabalho com as novas tecnologias em sala de aula, eles devem considerá-las nos seus afazeres de rotina”, ressaltou.

O técnico destaca que manter-se atualizado com as novidades da área tecnológica significa um ganho importante na qualidade do trabalho desenvolvido e na construção de projetos educativos. “É uma tarefa impreterível para a equipe pedagógica, porque essas tecnologias da comunicação transformam não apenas nossa maneira de se comunicar, mas também de trabalhar e pensar”, afirmou Guilherme.

A palestra está oferecendo, também oportunidade para os profissionais trocarem experiências e sanar dúvidas referentes a utilização das novas tecnologias no trabalho. “Estamos apresentando exemplos positivos que já são aplicados em nossas unidades, além de sugestões de utilização dos computadores como ferramenta de trabalho escolar”, pontuou o técnico.

Utilização consciente

A professora Aparecida Feitosa de Oliveira, que atua como apoio pedagógico na escola Professora Oneida Ramos, considera necessária a atualização quanto às novidades na área tecnológica, mas ressalta a importância de discutir em sala de aula sobre o uso adequado desses recursos. “Penso que deve haver uma moderação. As aulas nas salas de recursos também podem ser um momento de discussão e reflexão sobre como utilizar a tecnologia de forma que não atrapalhe o desenvolvimento das crianças, pois é importante que elas também desfrutem de brincadeiras coletivas, tenham convivências. Tudo deve ser dosado”, disse.

Para a professora Giovana Queiroz de França, as palestras de atualização ajudam os profissionais a terem ideias para incrementar as aulas. “Não podemos ter resistências nessa área porque é preciso acompanhar a evolução e os alunos todos têm acesso a esses recursos, inclusive nas escolas, que têm salas específicas para essas aulas”, pontuou.

Como forma de utilização desses recursos, a professora cita uma aula onde mostrou aos alunos como utilizar o Google Maps, serviço de pesquisa e visualização de mapas e imagens de satélite da Terra, que pode ser aproveitado nas aulas de Geografia, por exemplo.  “Precisamos saber usar essas ferramentas para tirar proveito de todos os recursos”, disse Giovana.

O superintendente das Políticas Educacionais da Semed, Waldir Leonel, a gestão está sempre em busca de ações para manter os profissionais antenados com as novidades da área tecnológica. “Se o professor não consegue utilizar esses recursos, não consegue fazer a inclusão digital. Temos salas de tecnologias e por isso eles precisam estar sempre atualizados para usar todos os recursos de mídia”, enfatizou.

Rede Municipal de Sites e Serviços On-line de Campo Grande MS

http://www.campogrande.ms.gov.br/