Com asfalto, Nova Lima terá principal avenida duplicada, receberá esgoto e calçadas

IMG-20170812-WA0081

Campo Grande, 12/08/2017 às 12:10

A obra que o prefeito Marquinhos Trad lançou oficialmente neste sábado (13) no Nova Lima, etapa A, dentro de um ano, quando estiver concluída, dotará a região de toda a infraestrutura urbanística, incluindo rede de esgoto, drenagem, asfalto, calçada com piso tátil e sinalização de trânsito.

O prefeito, acompanhado da vice-prefeita, Adriane Lopes, a presidente do Comitê Gestor do FAC e primeira-dama, Tatiana Trad, secretários, moradores, lideranças da comunidade, percorreu os primeiros trechos que estão recebendo asfalto. Na Rua Alfredo Borba, conversou com dona Aparecida Santana Vilela, 65 anos, moradora há 38 anos do bairro. Ela fez questão de agradecer ao prefeito pela chegada do asfalto que aguardava há mais de três décadas. “O asfalto  é uma benção, nosso bairro vai ficar ainda melhor do que já é”, relata.

Marquinhos Trad fez um breve balanço dos primeiros meses de administração e destacou a importância do resgate da credibilidade da prefeitura. “Percorremos onde foi preciso. Limpamos o nome da prefeitura. A partir daí, obtemos credibilidade em Brasília para obter os recursos. Agradeço o apoio de toda bancada federal e do Senado. Também se não fosse o apoio do Governo do Estado e dos vereadores, nada disso seria possível”, frisou o prefeito.

O chefe do gabinete do prefeito, Alex Oliveira Gonçalves, falou em nome dos secretários municipais e destacou o trabalho da equipe. “Esta é uma equipe que está fazendo a diferença. Este é um anseio muito esperado pelos moradores e muitos outros serão realizados no Bairro Nova Lima e em outros de Campo Grande”, disse Alex.

Serão asfaltados 20,7 quilômetros de vias e recapeados mais de 3,5 quilômetros de vias, contempladas ruas como a Marquês de Herval, que receberá drenagem e terá o pavimento refeito; a última quadra da Jerônimo Albuquerque e a duplicação da Avenida Zulmira Borba, que atravessa o bairro e serve de acesso a conjuntos habitacionais como Oscar Salazar, José Tavares e Tarsila do Amaral. Nesta etapa o projeto atenderá o quadrilátero formado pelas ruas Marques de Herval Jerônimo Albuquerque; Zulmira Borba e Cônsul Assaf Trad.

IMG_20170812_094234826

Prefeito Marquinhos, moradores, secretários durante a Caminhada no Nova Lima

O restante do bairro (acima da Jerônimo de Albuquerque e após a Avenida Zulmira Borba) será pavimentado em novas etapas, que serão licitadas em 2018. Sem as contrapartidas, o projeto está orçado em R$ 47 milhões, para execução de 23,04 de drenagem; 54  km de pavimentação e 2 quilômetros de recapeamento.,

Para a presidente da Associação de Moradores do Nova Lima, Vera Amaro, a chegada do asfalto representa o fim de 40 anos de esquecimento do bairro. “A comunidade assistiu todo este tempo, a pavimentação de bairros bem mais novos e isto sempre foi motivo insatisfação”, conta.

O vereador Betinho (PRB), que junto com a vereadora Cida Amaral, representou o Legislativo no evento, passou a infância e a adolescência no bairro onde seus pais ainda moram. “Só por esta obra, que será complementada em 2018 com outras etapas, a administração do prefeito já vai entrar na história”. Sua colega de parlamento, a enfermeira Cida, também destacou a importância da obra e fez questão de lembrar que o asfalto sempre foi uma luta histórica do vereador Carlão, quando ainda atuava como liderança comunitária.

O secretário de Governo, Antônio Lacerda  e o chefe de gabinete, Alex de Oliveira, lembraram que após oito meses de gestão, os investimentos estão sendo destravados apesar das dificuldades financeiras decorrentes do momento econômico e político enfrentado pelo pais.

IMG-20170812-WA0047

A Moradora Aparecida Santana agradeceu ao prefeito Marquinhos Trad pelo serviços de pavimentação do Nova Lima

O que será feito na etapa A

A etapa A da pavimentação e drenagem cobrirá o quadrilátero formado pelas ruas Marques de Herval, Jerônimo de Albuquerque, Zulmira Borba e Avenida Cônsul Assaf Trad. Serão implantados 8,75 quilômetros de drenagem, 19,38 km de pavimentação e 4,78 km de recapeamento. A drenagem contempla um tubo Armco de 1,20 metros de diâmetro, que atravessará sob a Avenida Cônsul Assaf Trad (na altura da Rua Eugênio Lima), no chamado método não destrutivo. Ele terá a função de escoar toda a água pluvial do Nova Lima num piscinão (bacia de retenção) existente nos fundos do Alphaville. Esta intervenção resolverá o problema de erosão que surge num dos acessos ao Shopping Bosque dos Ypês.

Segundo o secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Rudi Fiorese, o projeto prevê a duplicação da Avenida Zulmira Borba e recapeamento da Rua Marques de Herval (o corredor do Nova Lima), que receberá drenagem.

Também será realizada a pavimentação de um trecho de 450  metros da Rua Jerônimo de Albuquerque, danificada pela enxurrada que abriu valetas e comprometeu a  tubulação de PVC corrugado (rib loc), que será substituída, bem como a construção de calçadas, com piso tátil.

As ruas que serão pavimentadas

Nesta primeira etapa da pavimentação do Nova Lima está programado o asfaltamento das ruas Sócrates; Dona Maria Izabel; Dom Sebastião Leme; Santo Inácio de Loiola;  Júlio Prestes; Eugênia Lima; Randolfo Lima; Assunção  Borba;  Martin Faustino; Botafogo; Eugênio Silvério; Alfredo Borba; Padre Antonio Franco; Firmo Cristaldo; Galileu; Aquiles; Celina Baís Martins, além das avenidas Carlota Joaquina e Cândido Garcia.

Rede Municipal de Sites e Serviços On-line de Campo Grande MS

http://www.campogrande.ms.gov.br/