Após temporal, Central 156 registra mais de 1,3 mil ligações em apenas 24 horas

Campo Grande, 18/10/2021 às 08:09

Após a tempestade de poeira com ventania que atingiu a Capital na tarde da última sexta-feira (15), a Central 156, um dos principais canais de comunicação da Prefeitura com a população, registrou 1.329 ligações em 24 horas, um aumento de 53% na média diária de atendimentos. Já a plataforma digital Fala Campo Grande recebeu cerca de 678 solicitações, número bem acima dos registrados diariamente. Pela web, o aumento foi de 183%.

Segundo o ouvidor-geral do Município, Marcos Haroitto, diante dos estragos causados pelas chuvas e ventos que ultrapassaram os 90km/h, foi necessário ampliar o horário de atendimento da Central, para que o cidadão tivesse um suporte rápido e adequado para registrar suas demandas. No sábado (16), o teleatendimento funcionou das 8h às 17h.

“A população passou por um momento de aflição e insegurança e, como Ouvidoria, nos vimos na obrigação de auxiliar, por isso o prefeito determinou a ampliação do horário de atendimento da Central 156 no sábado e também que fosse reforçada a equipe que atua com a plataforma Fala Campo Grande”, explica o ouvidor-geral do Município.

Haroitto ainda ressalta que já nas primeiras horas após o temporal ocorrido na sexta-feira, a Central recebeu um grande número de ligações. No período das 16h às 21h, foram atendidas mais 370 chamadas referentes aos danos causados pela chuva e ventos.

“Trabalhamos com foco nos registros decorrentes do temporal, principalmente nas solicitações para a retirada de árvores que estavam impedindo o fluxo de trânsito na Capital. Em 24 horas, o número de ligações e solicitações pela web praticamente triplicou”, finaliza Haroitto.

O mapa desenvolvido pela Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação (Agetec) detalha quais foram as regiões que mais registraram pedidos para retirada de árvores e relato de semáforos que estavam desligados.

Segundo os dados extraídos com base nos atendimentos realizados, as regiões do Centro e Anhanduizinho foram as áreas de Campo Grande que mais solicitaram tais serviços.

A Ouvidoria-Geral, unidade da Controladoria-Geral do Município (CGM), continua disponível para registar as solicitações de serviço da população. A Central 156 funciona de segunda a sexta, das 7h30 às 21h e, no sábado, até o meio-dia.