Pesquisa comparativa da variação de 157% no teste rápido da Covid-19