AÇÃO CONJUNTA ENTRE PREFEITURA E INSTITUIÇÕES GARANTE FORMAÇÃO DE NOVOS EMPREENDEDORES NA CAPITAL

Campo Grande, 07/10/2021 às 14:08

07OUT2021

O prefeito Marquinhos Trad assinou nesta quinta-feira (7), o Decreto que regulamenta a Lei 6.107, que criou a Escola de Empreendedorismo do Município de Campo Grande. A solenidade, no Teatro do Paço Municipal, serviu também para posse dos membros do Comitê Gestor da Escola de Empreendedorismo, composto por 13 titulares e igual número de suplentes, que a partir de agora somam esforços com a Prefeitura para auxiliar no desenvolvimento e formação de empreendedores na Capital.

“A escola do empreendedorismo tem como objetivo auxiliar os participantes a adquirir a vocação empreendedora, para que eles tenham noção exata de que a boa vontade é o primeiro passo, mas não é o suficiente para o seu ambiente prospere. É preciso capacitar e qualificar o empresário e os funcionários para que eles tenham condições de se tornarem competitivos com os concorrentes do segmento”, ponderou o prefeito, confirmando que agir de forma empreendedora é uma tendência consolidada em todos os países.

O objetivo da Escola é auxiliar os participantes a adquirirem vocação empreendedora, capacitando a comunidade com um conjunto de técnicas, metodologias e ferramentas ligadas ao empreendedorismo, para que possam prospectar, identificar e desenvolver novos negócios, como explicou o secretário de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio, Rodrigo Terra.

    “A Escola do Empreendedorismo é tão importante que acabou ganhando um programa dentro do organograma de programas e projetos da Sidagro, estamos planejando mais de 6 projetos que podem impactar mais de 10 mil pessoas com a capacitação e formação de novos empreendedores nas mais variadas áreas que a nossa secretaria atende, desde o produtor rural até os incubados, passando pelos servidores e inserindo a comunidade em geral incluindo jovens e adultos, e esse comitê gestor vai nos auxiliar no desenvolvimento das ações”.

Comitê Gestor

O Comitê Gestor da Escola do Empreendedorismo terá representantes dos seguintes órgãos e entidades, públicos e privados:

  1. Sidagro,
  2. Funsat,
  3. Sejuv,
  4. Sebrae/MS,
  5. Fiems,
  6. Fecomércio/MS,
  7. Escola do Legislativo da Câmara Municipal,
  8. Escoex/TCE-MS,
  9. CDL/CG,
  10. Associação Comercial,
  11. OCB/MS,
  12. Conselho de Reitores – CRIE/MS,
  13. Senar/MS.

Taner Douglas Alves Bitencourt, representante do Conselho de Reitores de Instituições de Ensino Superior de Mato Grosso do Sul (Crie/MS), falou em nome de todos os integrantes do comitê gestor, enaltecendo a proposta de trabalho. “A Escola de Empreendedorismo deverá promover melhoras significativas e desenvolver ainda mais a nossa cidade, estabelecer várias condições de potencializar tudo aquilo que Campo Grande pode contribuir com a economia do estado e do país. Esse comitê gestor multisetorial com participação de diversas instituições, dá uma base democrática, avançando para que essa política de governo se torne uma política de estado em MS”.