Superintendência de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde

Superintendência de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde

Responsável:

Subordinação direta: Secretário Municipal de Saúde

Telefones: (67)

E-mail Institucional:

Horário de Funcionamento: 07:30 hs às 11:00 hs / 13:00 hs às 17:30 hs (de segunda-feira à sexta-feira)

Endereço: Rua Bahia, 280 – Centro – Campo Grande – MS – CEP: 79002-530.

Estrutura Organizacional

Das Competências
Art. 177. À
Superintendência de Gestão do Trabalho e Educação em Saúde, diretamente subordinada ao Secretário Municipal de Saúde, compete:
I – fortalecer e modernizar as estruturas de gestão de pessoas na SESAU e Regiões de Saúde, através do desenvolviment o de políticas e efetiva integração entre gestão do trabalho e educação
na saúde;
II – desenvolver a carreira dos trabalhadores em saúde, conforme princípios e diretrizes que orientam e que instituem oportunidades e estímulos ao desenvolvimento pessoal e profissional dos trabalhadores com o objetivo de contribuir para a qualificação dos serviços prestados;
III – potencializar o Fórum permanente de negociação entre trabalhadores e gestores públicos, do Sistema Único de Saúde (SUS), sobre todos os pontos pertinentes às relações de trabalho
em saúde;
IV – implantar processos seletivos internos para avaliação de perfil e competências dos profissionais, objetivando atender às necessidades específicas da rede;
V – desenvolver
programa de atividade dirigida ao apoio às localidades de difícil provimento ou fixação de profissionais de saúde, podendo envolver áreas rurais, periferias urbanas e áreas remotas;
VI – coordenar e promover a ordenação da formação de recursos humanos na área de saúde;
VII – participar, apoiar, estimular e integrar a política de apoio às mudanças curriculares nos cursos de graduação na área da saúde, de acordo com as necessidades de saúde da população e com os princípios e diretrizes do SUS;
VIII – integrar ativamente nas instâncias de articulação interinstitucional e locorregional para a gestão de processos educativos significativos ao Sistema Único de Saúde (SUS);
IX – estabelecer mecanismos de cooperação entre SESAU e as escolas, visando tanto à melhoria da qualidade e à resolubilidade da atenção prestada ao cidadão quanto à integração da rede pública de serviços de saúde e à formação dos profissionais de saúde na formação técnica, graduação, pós-graduação e na educação permanente;
X – efetivar projetos e programas de cooperação técnica, convênios entre outros, com os centros de formação, ensino, pesquisa e extensão com vistas tanto à qualificação do Sistema como ao fomento e à disseminação do conhecimento em saúde;
XI – analisar e instruir processos relativos ao requerimento de servidores da SESAU, prestando informações com fundamento jurídico, sempre que solicitado;
XII – proceder abertura e dar andamento aos processos de sindicância administrativa, de conformidade com o respectivo ato de designação, orientando e acompanhando as comissões nos processos;
XIII – propor a abertura de processo administrativo disciplinar, independente da realização de sindicância;
XIV – articular com a Secretaria Municipal de Gestão e a Procuradoria-Geral do Município, visando orientação e soluções quanto ao desempenho das atividades dos servidores das Unidades de Saúde e demais, de competência da Superintendência de Gestão do Trabalho e Educação em Saúde;
XV – cumprir e orientar quanto ao cumprimento das normas emanadas do órgão central do sistema de recursos humanos;
XVI – participar do Comitê de Integração Ensino-Serviço-Comunidade no âmbito Municipal com apoio das demais  Superintendências;
XVII – apoiar e participar dos colegiados verticais, horizontais e transversais no âmbito da SESAU e do SUS;
XVIII – desempenhar outras atividades correlatas às competências da respectiva área de atuação.