Trechos da Mato Grosso e da Antonio Maria Coelho serão recapeados

DSC_0020

Campo Grande, 14/09/2017 às 08:52

Os técnicos da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos (Sisep) concluíram a reprogramação das obras de pavimentação na Vila Nascente (localizada perto do Parque dos Poderes), que também contemplará  o recapeamento de trechos da Avenida Mato Grosso e da Rua Antônio Maria Coelho. As obras serão retomadas com a garantia da contrapartida, resultado da parceria da Prefeitura com o Governo do Estado.

Está previsto o  recapeamento em nove ruas da região.  Na Antônio Maria Coelho será recapeado um trecho de 2.356 quilômetros, entre a Rua Furnas, atravessando a Avenida Professor Luiz Alexandre de Oliveira, chegando até o trecho final, quando se bifurca com a Avenida Mato Grosso, onde dois trechos do pavimento serão recuperados: rotatória na  entrada do Parque dos Poderes até altura da sede da subsecção da OAB/MS.

Deste trecho em diante até a Rua Ingazeira, o serviço já foi feito como parte do reordenamento viário feito na  rotatória com a Nelly Martins. Nesta etapa agora, será recuperado o asfalto da Mato Grosso entre a Rua ingazeira e a Rua Ceará. 

Está programado também o recapeamento, já na região da Vila Nascente, de  ruas como a Jamil Naglis e seu prolongamento,  quando passa a ser denominada de Desembargador Leão Neto do Carmo, abrangendo os trechos na altura da Receita Federal, Tribunal de Justiça, Tribunal Regional Eleitoral, Instituto do Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul e a sede da rádio e TV Educativa. Ainda dentro do Parque dos Poderes será recuperado o pavimento das ruas Delegado Carlos Robertos Bastos; Diário Oficial e da Academia de Polícia Civil. Também receberão o mesmo serviço um trecho complementar da Avenida Hiroshima até o seu término, esquina com a Rua Sérgio Garabini; Rua Claro e Avenida Santa Luzia.   

Piscinão

 As obras integram o Complexo Mata do Jacinto Etapa D, que fazem parte do PAC- Pavimentação, com recursos de um financiamento contratado pela Prefeitura junto  à Caixa Econômica Federal. Para concluir os 30% de obras ainda não executadas serão investidos  R$ 11,4 milhões, sendo R$ 10,264 milhões do PAC Pavimentação e mais R$ 1,142 milhão de recursos próprios viabilizados na parceria com o Governo do Estado.

Nesta fase, boa parte do investimento é para obras de drenagem e contenção de enchentes. A Prefeitura concluiu o processo desapropriação de uma área onde será construído um piscinão.  Está prevista a instalação de uma travessia de drenagem na Mato Grosso para despejar, no Córrego Réveillon, às águas pluviais que descem dos bairros mais acima (Futurista, Jardim Veraneio, Vila Nascente), onde a tubulação já foi instalada.

Segundo engenheiros da Secretaria Infraestrutura e Serviços Públicos, esta drenagem, junto com o piscinão, reduzirá a pressão das enxurradas sobre o Córrego Prosa, que muitas vezes transborda as margens da Avenida Ricardo Brandão.

Etapa D

As obras de pavimentação e drenagem da etapa D Mata do Jacinto foram iniciadas em 2014, com previsão de investimento de  R$ 36,1 milhões. Foram interrompidas ano passado, quando 71,57% do planejado tinha sido executado.  Em todo o complexo está programada a execução de 16.597 metros de drenagem, 196.878,63 metros quadrados de asfalto, aproximadamente 28 quilômetros de pavimentação. Foram beneficiados com drenagem, asfalto e calçadas os bairros Vila Nascente, Jardim Futurista e Veraneio.

Rede Municipal de Sites e Serviços On-line de Campo Grande MS

http://www.campogrande.ms.gov.br/