Sectur abre conversa com a classe artística para articular os critérios de credenciamento para futuras contratações

reuniao3

Campo Grande, 04/07/2019 às 15:55

A Prefeitura de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), abriu conversa com a classe artística durante esta semana para articular os critérios de credenciamento dos mais diversos segmentos. As reuniões, que aconteceram de 1º a 3 de julho, reuniu cerca de 200 pessoas, entre eles artistas da música, dança, manifestações populares e tradicionais, capoeira, audiovisual, literatura, artes visuais, teatro e circo, que foram até o auditório da Sectur para elaborar, em conjunto, os parâmetros para precificação das atividades culturais para futuras contratações.reuniao

A bateria de reuniões de credenciamento segue um formato pautado pelo diálogo em que a  Prefeitura Municipal de Campo Grande reafirma que tem suas portas abertas para receber os artistas. Ao término dos estudos das conversações com as classes, será aberta as inscrições para os interessados, reforçando o incentivo cada vez maior à produção cultural e artística campo-grandense.

Nos próximos meses, a pretensão é abrir as inscrições para os interessados, podendo, dessa maneira, incentivar cada vez mais a produção cultural e artística campo-grandense.

“Queremos fazer tudo de maneira justa, ouvindo aqueles que tem tanto interesse na divulgação de arte para a população quanto nós, os artistas. O saldo destes três dias de reuniões foi extremamente positivo. Fizemos o convite e a classe artística se fez presente em peso ajudando a elaborar os padrões para credenciamento”, pontua a secretária municipal de Cultura e Turismo, Melissa Tamaciro.

O Mestre Liminha, capoeirista e presidente do Fórum de Capoeira de Mato Grosso do Sul, concorda. “Achei uma iniciativa muito positiva e transparente. A ideia do rodízio de apresentações é bacana, democrática, e estamos agora esperando a abertura do cadastro”, explica.

Já o MC de rap General R3, também presente na reunião, acredita que a validação de credenciamento abre espaço para os que estão começando. “O formato apresentado dá chance para os iniciantes e mais expectativa a quem já está na luta há certo tempo. Me senti motivado após a reunião e creio que esse é o caminho, tomar decisões em conjunto faz com que o músico se sinta parte da gestão”.

A Sectur continua recebendo, de forma voluntária, nos próximos dias, os artistas e classes interessadas. Durante as reuniões foi informado da criação do Laboratório Sectur, que tem o objetivo de dar orientações sobre editais, fazer capacitações e construir projetos em conjunto com representantes do setor de turismo, cultura e patrimônio.

Rede Municipal de Sites e Serviços On-line de Campo Grande MS

http://www.campogrande.ms.gov.br/