Prefeitura promove curso para capacitar agentes em abordagens

IMG_9680

Campo Grande, 25/10/2017 às 11:11

A Prefeitura Municipal de Campo Grande, por meio da Ouvidoria Geral, da Controladoria Geral de Fiscalização e Transparência, está capacitando os guardas civis municipais e os agentes de trânsito para prestarem um serviço mais humanizado, com foco na solução dos problemas. O curso, denominado Projeto Excelência em Abordagem e Legislação de Trânsito, será realizado nesta quarta e quinta-feira, na Câmara Municipal.

Foto: Diogo Gonçalves

Foto: Diogo Gonçalves

Cerca de 150 servidores municipais serão capacitados nesses dois dias. A capacitação atende as necessidades institucionais, no sentido de proporcionar aos servidores os requisitos necessários ao cumprimento de seu papel profissional, pleno desenvolvimento na carreira, possibilitando melhorias na qualidade dos serviços públicos, de vida do trabalhador e no bom resultado gerado para a população.

O secretário municipal de Governo, Antônio Cézar Lacerda, que na abertura representou o prefeito Marquinhos Trad, falou da importância do curso no sentido de preparar os servidores para melhor atender os campo-grandenses.

“Hoje estamos com esse curso, que faz parte de um roteiro de outras palestras que já tivemos aqui. Esse curso é cidade inteligente, humana e sustentável, pois faz com que as cidades realmente funcionem. A gente precisa que o órgão público seja realmente preparado para atender a população. Esse é o grande alvo de qualquer país, de qualquer organização. Estamos focados em buscar melhorias, buscar inteligências, para que a gente possa administrar melhor a nossa cidade”, frisou.

Luciano da Silva / Foto: Diogo Gonçalves

Luciano Silva / Foto: Diogo Gonçalves

O projeto possibilita a atualização dos conhecimentos, melhoria de competências técnica, científica e de atitudes, na execução das atividades profissionais, potencializando o desempenho individual e coletivo, bem como promovendo o desenvolvimento humano, profissional e institucional na implementação do novo padrão de abordagem.

Para o ouvidor-geral da PMCG, Tony Ueno, o momento é oportuno para aprender mais e trocar idéias a respeito de humanização. “Esta á e hora de obtermos novos conhecimentos e de aprender como atender melhor o contribuinte de Campo Grande”, disse.

Já o secretário-adjunto da Controladoria Geral de Fiscalização e Transparência, Luciano Silva Martins, explicou que a capacitação vem mostrar que não basta apenas cobrar do servidor, é preciso investir no seu conhecimento. “Essa medida é uma das muitas já propostas pela gestão no sentido de trazer segurança aos cidadãos e sobretudo um investimento cada vez mais frequente na capacitação do servidor público, mostrando que a administração não quer apenas que se cobre do servidor um posicionamento, um comprometimento, mas também estar junto ao servidor”, salientou.

Tony Ueno / Foto: Diogo Gonçalves

Tony Ueno / Foto: Diogo Gonçalves

Dificuldades na rua

O secretário municipal Especial de Segurança e Defesa Social, Valério Azambuja, frisou ainda que o processo deve ser continuado. “Deve ser permanente, tem que ser diário. São vocês quem fazem acontecer as coisas. Todos os servidores que têm contato direto com a população. É difícil esse trabalho. Sei  como é pois também já trabalhei nas ruas. Esse processo vai fazer cumprir a lei e o que a administração quer. Vamos cumprir os ditames legais da melhor forma possível. Quem ganha a sociedade como um todo”, afirmou.

O diretor-presidente da Agência Municipal de Transporte e Trânsito, Janine de Lima Bruno, se lembrou que nem sempre a abordagem é fácil e por isso é tão importante saber como fazê-la. “A gente sabe da dificuldade que há nas ruas. Cada vez que vocês vão abordar, algumas pessoas vêm com pedras na mão, outras vêm com mais educação, mas é importante aproveitarmos essa capacitação para que nos tornemos melhor para a população e para nós mesmos”, disse.

Rede Municipal de Sites e Serviços On-line de Campo Grande MS

http://www.campogrande.ms.gov.br/