Emoção marca noite poética e Braulio Bessa relata transformação de vidas por meio da poesia

4

Campo Grande, 10/10/2018 às 11:20

Uma noite memorável. Ver poetas de tão longe vir a Campo Grande buscar a recompensa por ter, em poucas linhas, retratado sentimentos e vivências, fez a 30ª Noite Nacional da Poesia, realizada na noite dessa terça-feira (9), no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, se tornar inesquecível.

2Organizada pela Prefeitura Municipal de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), em parceria com a União Brasileira dos Escritores (UBE-MS), o evento premiou em dinheiro o amazonense Rafael Neves de Souza que driblou a distância e veio pessoalmente receber o prêmio de vencedor do concurso da Noite da Poesia com o poema Indigente Relato.

“Não deixe de acreditar em seus sonhos. Vim de longe e me sinto honrado em receber a premiação, agora levo esse prêmio para a minha cidade”, relatou Rafael, que é professor de Literatura, músico e compositor na cidade de Itacoatiara.

O poema Náufrago do escritor Lucas Castro, de Brasília, ficou em segundo lugar e a composição do mineiro Eder Rodrigues, Complexo da Maré, em terceiro. Lucas, assim como Rafael recebeu a premiação pessoalmente.

“Projetos como este, da Noite Nacional de Poesia, são importantes, a literatura em especial, tem esse dom. Podemos e acreditamos que a Noite da Poesia vai perpetuar, chegamos à trigésima edição e sabemos que a poesia alimenta a cabeça, o coração e a alma”, lembrou Laura Miranda, secretária-adjunta da Sectur e superintendente de Cultura.

3Foram aproximadamente 500 poemas inscritos no concurso. Brasileiros residentes no exterior também enviaram poemas para concorrer ao prêmio. De acordo com o presidente da UBE-MS, Samuel Medeiros, reforça que a internet facilitou a participação e fez com o número de inscritos fosse maior nesta edição do concurso.

“Esta foi a primeira vez que recebemos inscrições online e acreditamos que a tecnologia nos favoreceu. Tivemos muitos inscritos e entre eles aproximadamente 70 são da nossa Capital”, falou.

A 30ª Noite Nacional da Poesia também premiou declamadores. A atuações dos premiados, inclusive, entraram no roteiro de apresentações e antecipou a palestra do poeta nordestino Bráulio Bessa, que, por sinal, deu uma lição de vida ao enfatizar o poder transformador da poesia na vida das pessoas.

“Estou feliz por estar aqui, por saber que aqui tem um povo que valoriza suas raízes e que também é embaixador da cultura local. Agradeço ao prefeito e a Sectur pela recepção calorosa e por levar e entregar a poesia para o coração das pessoas”, destacou Bráulio, que se apaixonou pela poesia aos 14 anos depois de um encontro com as obras do poeta popular Patativa do Assaré.

Poesia que Transforma

Segundo livro escrito por Bráulio, Poesia que Transforma, relata a trajetória do nordestino que enfrentou inúmeras barreiras para alcançar um sonho. Nascido no município de Alto Santo, no sertão do Ceará, o poeta ganhou visibilidade depois de levar suas composições poéticas para a internet.

O sucesso de suas poesias chegou à televisão e Bráulio passou a se apresentar em programas de entrevistas, onde declama e conta suas histórias. Ele faz parte do elenco fixo do programa Encontro, da Rede Globo e com o sucesso conquistado passou a ocupar semanalmente um quadro intitulado “Poesia com Rapadura”.

Rede Municipal de Sites e Serviços On-line de Campo Grande MS

http://www.campogrande.ms.gov.br/