Tech Aula

logo_techaulaTECH AULA

Contextualização

A cada ano a tecnologia torna-se necessidade básica para cargos e profissões, por isso saber utilizar as ferramentas de trabalho é essencial para conseguir um primeiro emprego e até mesmo evoluir dentro da carreira. Segundo o maior site de recrutamento e seleção de talentos na área de TI do Brasil, a Catho, o mercado de informática no Brasil vem crescendo exponencialmente nos últimos anos. Dados de 2017 notam que 1,3 milhões de pessoas são profissionais específicos dessa área do conhecimento, e até o fim do ano de 2018, outras 700 mil novas vagas no setor serão abertas, principalmente no Sudeste, Sul e Centro-oeste do país.

Esses setores estão em franco crescimento, e a oferta de cursos na área também, como são os casos dos cursos oferecidos por programas de ensino de ONGs e entidades não governamentais, que é o caso da iniciativa “Happy Code”, que ensinam o básico da informática e também cursos de algoritmos e programação para crianças e jovens. Existe também o projeto “Brasil + TI”, uma ONG em parceria com empresas renomadas como Google e Microsoft, que ensina programação para jovens com uma plataforma 100% EAD (ensino a distância). Assim, objetivou-se a qualificação dos jovens do Instituto Mirim com o projeto Tech Aula, um modelo piloto para o ensino futuro de tecnologia da informação e inovação à esses jovens.

O Projeto

A Tech Aula é um projeto idealizado pela Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação (AGETEC), e viabilizado em conjunto com o Instituto Mirim de Campo Grande. A ideia nasceu com o objetivo de aproveitar o conhecimento técnico acumulado pela agência por conta da expertise adquirida nos trabalhos realizados nas várias áreas da prefeitura, bem como trazer conhecimentos e experiências práticas na utilização de ferramentas de trabalho para que os adolescentes possam se diferenciar no mercado profissional.

Como o Instituto trabalha com a qualificação de adolescentes, outra oportunidade do projeto se dá na consolidação e atuação na vertente de tecnologia e inovação, no município de Campo Grande, como instrumento de fomento ao ensino dessas temáticas na cidade, abrindo novos horizontes profissionais para os jovens e fortalecendo o mercado de trabalho local do setor.

Pensando no compartilhamento desse conhecimento foi estruturada de maneira didática uma grade curricular que complemente a qualificação profissional dos mirins. As turmas selecionadas terão cursos voltados à tecnologia e inovação, os quais serão ministrados por servidores da AGETEC, durante o respectivo período letivo.

 Quem pode participar

Adolescentes do Instituto Mirim regularmente matriculados.

Onde será o projeto

Instituto Mirim de Campo Grande.

Quais serão as disciplinas para 2018

  • Como usar a Ferramenta Business Model Canvas para modelar ideias
  • Como elaborar infográficos de qualidade para apresentações disruptivas
  • Aplicação da TI no Setor Público
  • Outras disciplinas relacionadas à TI

 

Rede Municipal de Sites e Serviços On-line de Campo Grande MS

http://www.campogrande.ms.gov.br/